Total de visualizações de página

quarta-feira, 23 de janeiro de 2019

'Virose da mosca' — Ceará tem primeiro surto: 4971 casos registrados em 2019

Foto: Internet 

Os surtos de Doença Diarreica Aguda (DDA) — popular e erroneamente conhecida como “doença da mosca” são típicos do começo de cada ano, por conta da pré-estação das chuvas. O Ceará já registrou 4971 casos, entre 30/12/2018 e 05/01/2019, de acordo com a primeira planilha de doenças notificação compulsória, divulgada pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesa).

Sobral é o município que lidera a estatística, notificando 302 casos. Fortaleza ainda não registrou nenhum caso. A DDA é conhecida por “doença da mosca”, mas o médico Rui de Gouveia explica que a transmissão do vírus causador da doença não é feita através do inseto.

Ele acredita que a virose ganhou este “apelido” devido à época mais chuvosa do ano, onde aumenta a proliferação de moscas. “O que se nota, nesse período chuvoso, é que em alguns locais, você percebe o aumento da proliferação de moscas. E isso pode ter correlação com questões de higiene, cuidados com alimentos. Mas não existe diretamente transmissão do vírus pela mosca”, completa Gouveia.


Rui, que é coordenador da Atenção Primária à Saúde de Fortaleza, também comenta a correlação entre o período chuvoso e o aumento da transmissão. “Nesse período chuvoso, se tem um maior número de pessoas em aglomerações em ambientes fechados, que têm aumento do contato. E consequentemente, com o aumento do contato, aumenta a possibilidade de transmissão de vírus”. 

Entre os principais locais de aglomeração, o especialista cita shoppings e festas de pré-carnaval. Ele também alerta que a principal forma de transmissão da doença é através de contato interpessoal, seja direto ou indireto.

Limpeza e tratamento

Higiene é a principal arma de combate contra o aumento da DDA. “Lavagem das mãos, lavagem dos alimentos, cuidado no preparo etc. Tudo isso é fundamental para que se evite a transmissão com maior intensidade”, complementa Rui de Gouveia. 

Em relação ao tratamento da doença, o coordenador explica que o método serve como “reforço” aos mecanismos de defesa presentes no próprio organismo. “A pessoa precisa se manter bem hidratada, porque naquele momento, ela está perdendo muitos líquidos. É interessante utilizar os sais de reidratação oral, que são distribuídos nos postos de saúde”, destaca. 

Em relação aos sais de reidratação, ele explica a utilização do medicamento. “Quando você coloca os sais na água, ela vai ser mais facilmente absorvida pelo intestino, mesmo que esteja lesionado pelo vírus. Por isso os sais são importantes. Porque como o intestino foi agredido pelo vírus, ele não consegue absorver naturalmente a água que você bebe”. Analgésicos anitermicos são aconselhados apenas em caso de dor no corpo e/ou febre.


Fonte: Diário do Nordeste 

terça-feira, 22 de janeiro de 2019

POLÍCIA MILITAR REALIZA PRISÃO DE HOMEM POR CRIME DE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA NA LOCALIDADE DE PIRITUBA GRAÇA



Policiais do Destacamento do Graça realizaram a prisão de um homem por crime de violência doméstica na noite desta segunda (21). O fato ocorreu no distrito de Pirituba, na zona rural do município, sendo o suspeito identificado como Antônio Aricóbe de Souza. 

De acordo com informações do 1º Sgt Ivaldo, a companheira de Antônio, informou que havia sido agredida fisicamente pelo marido.
Após constatada a veracidade da denuncia, o suspeito foi preso e conduzido a Delegacia de Sobral, onde foi autuado por lesão corporal, injúria e infração a lei de violência doméstica contra a mulher.

Fábio Assunção se une a cantores de hit com seu nome para ajudar ONGs que tratam dependentes químicos

Lucros da música serão 100% revertidos para ONGs que lutam contra dependência química. 'Não endosso, de maneira nenhuma, glamourização ou zoeira com esse sofrimento'.

Fábio Assunção no papel de Ramiro Curió na série Onde Nascem os Fortes, da Rede Globo — Foto: Estevam Avellar/Globo

Fábio Assunção anunciou nesta terça-feira (22) que fechou um acordo com o compositor e os cantores da música "Fábio Assunção" para ajudar ONGs de tratamento de dependência química. Todo o lucro do hit de Gabriel Bartz será revertido a essas instituições. 

Lançada em julho de 2018 por Bartz e regravada pela banda La Fúria, a música cita alguns episódios vividos pelo ator nos últimos anos: 

"Hoje eu vou beber, hoje eu vou ficar loucão / Hoje eu não quero voltar pra minha casa não / Hoje eu vou virar o Fábio Assunção / Hoje eu vou voltar pra casa só se for no camburão."
No Instagram, Fábio diz que não pretende "censurar a criatividade", mas que não pode deixar de falar sobre o problema da dependência.

“Preciso falar com as pessoas que passam pelo mesmo problema que eu. Eu não endosso, de maneira nenhuma, essa glamourização ou zoeira com esse sofrimento. Minha preocupação é com quem sente na pele a complexidade dessa doença. A minha vontade é que você tenha sempre um diálogo aberto, encontro um lugar de afeto com sua família, seus amigos e a sociedade brasileira, e assim conseguir respeito e direito a um tratamento digno.” 

Após ver a repercussão da música – juntas, as duas versões têm mais de 3 milhões de visualizações no YouTube – Fábio procurou cantores e compositor para propor uma ação de conscientização. 



“Foi pensando nisso que eu, minha equipe de comunicação e o corpo jurídico que me atende decidimos entrar em contato com os meninos e tornar essa história um ato propositivo de ajuda a quem precisa e de conscientização geral.” 

“100% do valor arrecadado com a música será doado para instituições que serão divulgadas logo mais como um ato irmanado entre quem sente essa dor e quem tem voz para ampliar a conscientização das pessoas. Nós não somos super-heróis, então cuidem de vocês. Quero todo mundo bem forte, feliz e consciente de seus atos. A luta é essa”. 

Bruno Magnata, vocalista da banda La Fúria, anunciou que uma nova versão da letra será composta em parceria com Bartz e Fábio: “Vamos mudar a letra e fazer uma coisa bacana”.



Fonte: G1.com

O prefeito de Pedra Branca foi preso em operação do Ministério Público e da Polícia Civil.

Operação está desde início da manhã na Prefeitura de Pedra Branca. Vc Repórter

O prefeito de
 Pedra Branca, Antônio Gois Monteiro Mendes, foi preso na manhã desta terça-feira (22), em operação do Ministério Público e da Polícia Civil. A operação visa combater fraudes em licitações.

Além do prefeito, outras seis pessoas foram detidas: Francisco Pontes Pereira, coordenador de projetos sociais; Paulo José Martins de Lima, engenheiro civil; Marcilio Alcantara da Silva, secretário do meio ambiente; Edmilson Mendes Viana, ex-secretário de educação; Francisco Wiron Holanda Cavalcante, ex-vereador e comerciante e; Antonia Selma Bezerra da Silva, conselheira tutelar.

A reportagem entrou em contato com a prefeitura de Pedra Branca, na manhã desta terça-feira por telefone, mas as ligações não foram atendidas.


Apreensão de documentos e celulares

O Ministério Público cumpre ainda oito mandados de busca e apreensão domiciliar, inclusive na sede da prefeitura do município, tendo feito a apreensão de documentos e aparelhos celulares que serão importantes para o seguimento das investigações.

Além do prefeito, foram presos Francisco Pontes Pereira, coordenador de projetos sociais; Paulo José Martins de Lima, engenheiro civil; Marcilio Alcantara da Silva, secretário do meio ambiente; Edmilson Mendes Viana, ex-secretário de educação; Francisco Wiron Holanda Cavalcante, ex-vereador e comerciante e; Antonia Selma Bezerra da Silva, conselheira tutelar. Divulgação


Após cumpridas todas as formalidades legais, os gestores foram encaminhados ao Code e Decap, no município de Fortaleza onde ficarão à disposição do Poder Judiciário.

Equipes da Polícia Civil dão apoio à operação organizada pelo Grupo de Atuação e Combate ao Crime Organizado(GAECO), do MPCE. A operação conta ainda com apoio das equipes da Polícia Civil de Mombaça, Senador Pompeu, Quixadá, Quixeramobim, Solonópole e duas equipes do Departamento de Polícia do Interior (DPI) Sul. 



Fonte: Diário do Nordeste 

segunda-feira, 21 de janeiro de 2019

Casa de comando da Subestação da Enel Inhuçu foi incendiada na madrugada desta segunda-feira em São Benedito.

(Foto: reprodução/ WhatsApp O POVO)
(Foto: reprodução/ WhatsApp O POVO)

Casa de comando da Subestação da Enel Inhuçu foi incendiada na madrugada desta segunda-feira, 21, no município de São Benedito, distante 332,4 km de Fortaleza. Apesar do ataque, a energia da região não foi prejudicada. O local serve como escritório para os técnicos da companhia. É uma casa que fica na parte externa da unidade. Ninguém ficou ferido.  

Este é o 20º dia de ataques orquestrados por facções criminosas no Ceará. Desde a noite do último dia 2, explosões e incêndios são registrados em diversos municípios do Estado. Até o último sábado, 399 pessoas foram detidas por envolvimento nos crimes, de acordo com o mais recente balanço divulgado pelo Governo do Estado. 

Veja nota
 
A Enel Distribuição Ceará informa que a casa de comando da Subestação Inhuçu, que fica no município São Benedito, foi incendiada na madrugada de hoje (21). A companhia acrescenta que a subestação segue operando normalmente, sem impactos no fornecimento de energia na região.
 
 
 
 
 
Fonte:Redação O POVO Online

EX-BISPO DE SOBRAL É ACUSADO DE ASSÉDIO SEXUAL

“A gente chegou a ter relações sexuais, sim”, diz uma das vítimas sobre Dom Aldo.
 
 
O Fantástico desmascarou o ex-bispo de Sobral Dom Aldo Pagotto por ter assediado garotos e protegido pedófilos quando era arcebispo da Paraíba. Ele foi condenado a pagar indenização de R$ 12 milhões devido ao crime: R$ 1 milhão para cada ano à frente da Arquidiocese. O dinheiro deve ter uso social.

O religioso também protegeu um padre em Sobral em 2002 que abusou de 21 meninas. O mais revoltante é que o Tribunal de Justiça do Ceará arquivou o caso, e não foi por influência do ex-prefeito de Sobral Cid Gomes, seu amigo.

Segundo o Fantástico, Dom Aldo vive agora em Fortaleza. Teve câncer de próstata. Na páscoa de 2018, divulgou um vídeo em que aparece debilitado.

Em tempo

Assista à matéria na íntegra clicando AQUI.



(Cearanews7)
Via: Sobral 24 Horas

Jovem é assassinada por namorado enquanto ele "brincava" com arma em Fortaleza

Fortaleza: Jovem é morta enquanto namorado brincava com arma
Reprodução/Facebook






















Uma mulher identificada como Tamires Felix de Aquino, de 22 anos, foi assassinada, neste domingo (20), no bairro Dias Macêdo, em Fortaleza. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), o namorado dela é suspeito de matar a jovem enquanto 'brincava' com um revólver. Após o fato, ele fugiu

A SSPDS informou que a vítima estava na cozinha de casa, na companhia do namorado, identificado como Hudson Assunção Lima, quando foi atingida por uma bala. Conforme a pasta, ele estava 'brincando' com a arma. O revólver disparou, vindo a lesionar Tamires Aquino.

Equipes do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) realizaram os primeiros levantamentos sobre o homicídio. O DHPP trabalha para capturar o suspeito.
 
 
 
Fonte: Diário do Nordeste

sexta-feira, 18 de janeiro de 2019

800 PMs e CBM da reserva se apresentam para reforçar segurança no Ceará após série de ataques criminosos

Foto: João Pedro Ribeiro

A Polícia Militar do Estado informou que 800 policiais e bombeiros da reserva, que vão reforçar a segurança as ruas no Ceará, já se apresentaram no Quartel do Comando Geral. Parte do efetivo participa durante esta manhã de uma reunião no Ginásio Paulo Sarasate, no bairro Centro, em Fortaleza, para conhecer as estratégias de trabalho nas ruas. Destes, 150, sendo 41 oficiais e 109 praças, devem voltar ao serviço ainda nesta sexta-feira (18). 

"Os oficiais são responsáveis pela fiscalização.  Vão auxiliar na fiscalização do policiamento. Vão ser distribuídos na capital e Região Metropolitana a nossa expectativa é colocá-los para fazer guarda de quartel, para prédios públicos e os oficiais vão fiscalizá-los", disse.

O Governo do Estado convocou 1.200 militares para ajudar no combate às ações criminosas registradas desde o dia 2 de janeiro. O prazo estipulado para apresentação era até a última quarta-feira (16), mas foi estendido até essa sexta.

Segundo a Polícia, os agentes serão distribuídos por Fortaleza e Região Metropolitana, e atuarão na guarda de prédios públicos e na fiscalização. 

O órgão afirma, ainda, que os militares serão empregados de acordo com capacidade física e idade.

Policiais que não se apresentarem serão penalizados

Os militares que não se apresentarem irão responder administrativamente por transgressão disciplinar. Aqueles que não puderem mais trabalhar precisam levar atestado médico e passar por uma avaliação da Polícia.

A apresentação é obrigatória para os PMs que estão na reserva há no máximo cinco anos e que moram no Ceará. O agente continua a receber a aposentadoria e terá uma gratificação de R$ 900 a R$ 1,3 mil


Fonte: Diário do Nordeste

Para o Cidadão ter uma arma em casa, o gasto mínimo é de R$ 3,7 mil

As despesas incluem a compra do armamento, da munição e regularização. Foto: Retirada da Internet
O cidadão que decidir adquirir um revólver ou pistola após a entrada em vigor das novas regras para a posse de armas desembolsará, no mínimo, cerca de R$ 3,7 mil para regularizar sua situação, cumprindo a todos os pré-requisitos exigidos por lei. O valor inclui a aquisição do armamento escolhido e a obtenção dos documentos necessários.

A Agência Brasil consultou a empresa brasileira Taurus sobre a sugestão de preço médio para a venda de armas de calibres permitidos (.38 / .380 / .22 / .36), mas como não obteve respostas até a publicação desta reportagem, consultou a sites de diferentes lojas que oferecem seus produtos na internet.

O revólver mais barato encontrado, um .38 de cinco tiros, custa a partir de R$ 3,1 mil. As mesmas lojas oferecem revólveres .22 a partir de R$ 4 mil. A pistola de mesmo calibre custa a partir de R$ 6 mil.

Um revólver .36 pode ser adquirido por R$ 4 mil e a pistola .380 a partir de R$ 5 mil. Conforme explicou, por telefone, o vendedor de um dos estabelecimentos, os preços são para a venda online, podendo variar na loja física.

Despesas
 
A aquisição de uma arma ainda envolve outros custos. É preciso, por exemplo, pagar R$ 88 para a Polícia Federal (PF) a fim de obter o registro necessário para manter o revólver em casa ou no local de trabalho. Com a publicação do Decreto nº 9.685, ontem (15), a validade do Certificado de Registro de Arma de Fogo aumentou de cinco anos para dez anos.

O decreto também estipula que, ao solicitar o registro, o interessado que vive ou trabalha em local com crianças, adolescentes ou pessoa com deficiência mental deve declarar possuir cofre ou local seguro com tranca para armazenar a arma.

O Estatuto do Desarmamento, de 2003, prevê pena de detenção de até dois anos, além de multa, a quem permitir que crianças, adolescentes ou pessoas com deficiência mental apanhem a arma.

Avaliação
 
O candidato que comprar um revólver ou pistola também precisa se submeter a uma avaliação psicológica que confirme que ele está apto a possuir uma arma em casa ou local de trabalho. Para ser aceito, o laudo deve ser emitido por um profissional devidamente habilitado e credenciado pela Polícia Federal (PF).

A relação de psicólogos credenciados em todo o país está disponível no site da PF. O custo da avaliação, no entanto, é referenciado pelo Conselho Federal de Psicologia (CFP). A tabela de honorários ainda disponível no site do conselho sugere os preços mínimo (R$ 280,87) e máximo (R$ 655,36).

A legislação estabelece a obrigatoriedade de o candidato comprovar capacidade técnica para manusear uma arma de fogo. A relação de instrutores de armamento e tiro credenciados também está disponível no site da PF, que afirma que o valor cobrado pela aplicação do teste não pode exceder R$ 80.

No entanto, dois instrutores ouvidos pela Agência Brasil explicaram que, a este valor, devem ser acrescidos os custos com a munição gasta e, se necessário, despesas com o aluguel de uma arma e do estande de tiros. Somadas, todas estas despesas podem variar entre R$ 240 e R$ 300, dependendo da localidade.

Os demais documentos exigidos, como as certidões negativas de antecedentes criminais e de que o interessado não está respondendo a inquérito policial ou a processo criminal, podem ser obtidas pela internet, sem custos, nos sites da Justiça Federal, Estadual, Militar e Eleitoral.
 
 
 
 

quinta-feira, 17 de janeiro de 2019

Mais de mil detentos já foram transferidos das cadeias públicas cearenses

Nesta quarta-feira, a transferência de presos aconteceu na cadeia de Jaguaribe



Cerca de 80 Cadeias Públicas do Ceará hoje estão vazias. São prédios que deverão ser demolidos ou reformados. A transferência de centenas de presos que estavam confinados nestas unidades faz parte das estratégias do novo órgão do governo estadual que tenta disciplinar o sistema carcerário cearense: a Secretaria Estadual de Administração Penitenciária (Seap), que substituiu a antiga Secretaria da Justiça e da Cidadania (Sejus). Segundo órgão, cerca de mil presos já foram transferidos.

A intenção do Governo do Ceará é de construir, ao menos, seis Presídios Regionais para receber os presos que antes estavam nas Cadeias Públicas. Esse exército de detentos hoje está sendo tirado das cadeias e levados, a princípio, para três quatro grandes unidades, as Casas de Privação Provisória da Liberdade (CPPL 1 e 3) e para as penitenciárias industriais e regionais de Sobral (PIRS) e de Juazeiro do Norte (PIRC).

Na tarde desta quarta-feira (16), mais uma Cadeia Pública foi esvaziada no Interior. A transferência aconteceu na unidade da cidade de Jaguaribe (300Km de Fortaleza), onde as condições de segurança e higiene eram precárias. Na região do Vale do Jaguaribe, outras quatro cadeias foram também desativadas desde o começo da semana, nas cidades de Limoeiro do Norte, Russas, Quixeré e Morada Nova. Também no Litoral Leste houve transferência dos detentos da Cadeia de Icapuí.

Veja, a seguir, a lista dos Municípios cearenses cujas cadeias  públicas já foram desativas com a transferência de presos:

Groaíras, Irauçuba, Massapê, Coreaú, Moraújo, Ibiapina, Frecheirinha, Meruoca, Reriutaba, Chaval, Carnaubal, Santana do Acaraú, Viçosa do Ceará, Mucambo, Pacujá, Ipu, Varjota, Graça, Forquilha, Cariré, Hidrolândia, Limoeiro do Norte, Morada Nova, Russas, Quixeré, Jaguaribe, Icapuí, Redenção, Palmácia, Baturité, Cruz, Bela Cruz, Morrinhos, Jijoca de Jericoacoara, São Luís do Curu, Paracuru, Pentecoste e São Gonçalo do Amarante.


Fonte: Cn7

Estação de metrô, ponte e agência bancária são alvo de ataques a bomba em Fortaleza

Número de ações criminosas registradas desde o dia 2 de janeiro no Ceará já chega a 209.

Agência bancária destruída por bandidos na madrugada desta quarta-feira, em Fortaleza Foto: Reprodução / TV Globo
Agência bancária destruída por bandidos na madrugada desta quarta-feira, em Fortaleza Foto: Reprodução / TV Globo
Uma estação de metrô e uma ponte foram alvo de ataques a bomba na madrugada desta quinta-feira e noite de ontem, em Fortaleza , no Ceará . Uma agência bancária também foi incendiada por criminosos. Não houve feridos e nenhum suspeito foi preso. Ontem, em entrevista à GloboNews, o governador Camilo Santana (PT) defendeu que os ataques criminosos sejam enquadrados como terrorismo . 

Na quarta-feira, quando a onda de violência no estado completou sua 16ª noite, criminosos tentaram derrubar uma ponte em Bela Vista, também em Fortaleza. O ataque com explosivos danificou a estrutura da construção e um cano de esgoto que passa pelo local. O barulho da explosão foi ouvido em vários bairros vizinhos.  

Já por volta de 1h da manhã, uma agência bancária localizada na rodovia BR-116, no bairro de Aerolândia, foi metralhada e incendiada. Os suspeitos, que fugiram do local, usaram combustível para executar o ataque. O Corpo de Bombeiros conseguiu controlar as chamas antes que o banco fosse completamente destruído. 

Também em Fortaleza, a detonação de um artefato explosivo por volta de 3h30 em um poste na estação Couto Fernandes, que atende a linha Sul do metrô da capital, levou à paralisação dos trens durante a manhã. 

Segundo a Polícia Militar do Ceará, menos da metade dos policiais da reserva convocados na última segunda-feira se apresentaram à corporação. Ontem, o prazo para os agentes se colocarem à disposição foi prorrogado para sexta-feira. No entanto, os PMs que já foram liberados para voltarem ao trabalho ainda não começaram a atuar nas ruas por conta de atrasos na confecção de coletes e fardas. 


Fonte: oglobo

Gari é morto a tiros em Sobral e tem cadeado locado na boca


Um homem foi encontrado morto na manhã de hoje (17.01.19), na estrada que dá acesso ao distrito de Bonfim. As primeiras informações que nos chegaram, é que se tratava de um cidadão funcionário da prefeitura Municipal de Sobral, e exercia a função de gari.



A vítima foi identificada por: Francisco Iracelio de Sousa, residente no Distrito de Bonfim, onde foi executado a tiros de arma de fogo. Um fato curioso repassado pela população, é que a vítima se encontrava com um cadeado na boca. As polícias civil e militar estiveram no local colhendo elementos para se dá início as investigações.



Fonte:BLOG SINHÁ SABOIA

terça-feira, 15 de janeiro de 2019

Funcionários a serviço da CEMAR são mortos à tiros após cortar energia no Maranhão

Dois funcionários a serviço da Companhia Energética do Maranhão (Cemar) são mortos à tiros.

Dois funcionários a serviço da Companhia Energética do Maranhão (Cemar) identificados como João Victor Melo e Francivaldo Carvalho da Silva foram mortos na manhã desta terça-feira (15), no bairro Sítio Natureza, em Paço do Lumiar, na Região Metropolitana de São Luís.

As vítimas teriam ido até o local realizar o corte de energia elétrica em uma das residências e após a realização do serviço, eles foram surpreendidos por disparos de arma de fogo quando já estavam no veículo da empresa.

De acordo com informações de moradores, o autor do crime, seguiu a dupla e os surpreendeu com tiros na cabeça. De acordo com eles, não houve nenhuma discussão antes da execução, afirmando que a motivação foi por “pura maldade”.

João Victor Melo e Francivaldo Carvalho da Silva não resistiram a gravidade dos ferimentos e morreram no local. 

A polícia está realizando buscas para tentar capturar e prender quem teria praticado o duplo homicídio em Paço do Lumiar. 

Por meio de nota, a Cemar e o Consórcio Norte, empresa prestadora de serviços, informaram que acompanharão os trabalhos de investigação, lamentaram o ocorrido e se solidarizaram com os familiares.

Leia a íntegra da nota

“A Cemar e o Consórcio Norte, empresa prestadora de serviços, informam que irão acompanhar os trabalhos de investigação pelas autoridades policiais do homicídio ocorrido na manhã desta terça-feira (15), em São Luís, vitimando os colaboradores João Victor Melo e Francivaldo Carvalho da Silva.

Cabe esclarecer que a Companhia e o Consórcio Norte irão acompanhar e colaborar com o trabalho de investigação da polícia, que deverá identificar as causas que levaram ao homicídio.

Neste momento as empresas lamentam e se solidarizam com os familiares e estão empenhadas em prestar toda assistência necessária”
.

“A Cemar e o Consórcio Norte, empresa prestadora de serviços, informam que irão acompanhar os trabalhos de investigação pelas autoridades policiais do homicídio ocorrido na manhã desta terça-feira (15), em São Luís, vitimando os colaboradores João Victor Melo e Francivaldo Carvalho da Silva.

Cabe esclarecer que a Companhia e o Consórcio Norte irão acompanhar e colaborar com o trabalho de investigação da polícia, que deverá identificar as causas que levaram ao homicídio.

Neste momento as empresas lamentam e se solidarizam com os familiares e estão empenhadas em prestar toda assistência necessária”
.




Fonte:.enquantoissonomaranhao

Petrobras reduz pela terceira vez consecutiva preço do gás de cozinha

Foto: EBC

O gás de cozinha ficou mais barato para o comércio e as indústrias. A redução é de 3,4%, a quarta queda de preços seguida, acompanhando uma tendência do mercado internacional. No entanto, o gás vendido no botijão de 13 quilos, utilizado para cozinhar nas residências, ainda não sofre alteração no preço. A revisão do botijão menor é feita a cada três meses, enquanto o gás de uso comercial e industrial tem o preço revisado, em média, uma vez por mês.

GLP

É a primeira redução do GLP industrial neste ano e a terceira consecutiva. A primeira redução, de 9,2%, no dia 27 de novembro, foi a maior redução do ano passado. No dia 20 de dezembro, houve nova redução, de 4,7%.

De acordo com a Petrobras, a queda oscilará entre 3,3% e 3,6%, dependendo do polo de suprimento.

O Sindicato Nacional das Empresas Distribuidoras de Gás Liquefeito de Petróleo (Sindigás) informou, em nota, que suas empresas associadas foram comunicadas pela Petrobras, na tarde de hoje (10), sobre a queda no preço do GLP empresarial, destinado a embalagens acima de 13 quilos.


“Cálculos do Sindigás indicam que o valor do GLP empresarial, destinado aos setores do comércio e da indústria, ficará, mesmo depois da queda, 15% mais caro do que o gás residencial (comercializado em botijões de até 13 qilos). A entidade reforça que a falta de uma política de preços para o GLP empresarial faz persistir a diferença de preços entre o GLP residencial e o empresarial”, acrescenta a nota.

Política de Preços

De acordo com a Petrobras, a política de preços para o GLP de uso industrial e comercial vendido em suas refinarias às distribuidoras tem como base o preço de paridade de importação, formado pelas cotações internacionais desses produtos mais os custos que os importadores teriam como transporte e taxas portuárias.

Já o preço do gás residencial é menor que o do GLP para uso industrial e comercial, conforme resolução do Conselho Nacional de Política Energética, que considera de interesse para o setor a prática de preços inferiores para a comercialização do produto para uso residencial.


Este conteúdo foi produzido pelo Sistema Jornal do Commercio de Comunicação. Para compartilhar, use o link https://tvjornal.ne10.uol.com.br/noticia/ultimas/2019/01/11/petrobras-reduz-pela-terceira-vez-consecutiva-preco-do-gas-de-cozinha-52816.php
Este conteúdo foi produzido pelo Sistema Jornal do Commercio de Comunicação. Para compartilhar, use o link https://tvjornal.ne10.uol.com.br/noticia/ultimas/2019/01/11/petrobras-reduz-pela-terceira-vez-consecutiva-preco-do-gas-de-cozinha-52816.php
Este conteúdo foi produzido pelo Sistema Jornal do Commercio de Comunicação. Para compartilhar, use o link https://tvjornal.ne10.uol.com.br/noticia/ultimas/2019/01/11/petrobras-reduz-pela-terceira-vez-consecutiva-preco-do-gas-de-cozinha-52816.php